Admirável mundo novo da mídia social

Na medida em que nos tornamos usuários sistemáticos de redes sociais como Facebook, Linkedin, MySpace e até mesmo o já desgastado Orkut parece que deixamos de olhar para a questão da invasão de privacidade como um problema. Ao contrário, encontramos em nossas redes de relacionamento um espaço de bem-estar, satisfação e conforto individual e grupal que nem Aldous Huxley delimitou com tal precisão psicológica, sociológica, antropológica e comunicacional em seu famoso Admirável Mundo Novo.

Um artigo publicado na edição deste domingo 07/09/2008 da The New York Times Magazine vai fundo nessa discussão, relatando a explosão do Facebook nos idos de 2006 após a inclusão do news feed, que apresentava automaticamente as atualizações e ações do conjunto de pessoas de cada rede, sem a necessidade de visita às páginas individualmente.

Faço a seguir um breve resumo comentado do artigo.

Hoje essa é uma prática generalizada nos sites de redes sociais, vide Twitter como carro-chefe. Mais do que apenas uma bisbilhotagem sobre a vida do colega de relacionamento, ocorre aqui um fenômeno explorado no artigo e cunhado pelos cientistas sociais como ambient awareness – captar o clima emocional e social do outro como se estivéssemos fisicamente perto.   

Será que isso é importante em termos da comunicação e o jornalismo? Segundo as boas práticas das Ciências Sociais é uma fonte riquíssima de informação social se olhada no conjunto. Cada atualização individualmente, pode ser insignificante e seu conteúdo banal. Mas, se considerarmos o conjunto de uma dada rede de amigos, avaliadas ao longo de um lapso de tempo existem ali indicadores de opinião, percepção e tendências que dificilmente se teria por outra fonte de pesquisa com tamanha rapidez.

Ao seguirmos um conjunto de feeds no twitter, por exemplo, temos ali uma narrativa construída, uma história de um grupo social. E aí resulta em informação e opinião. Tudo isso num passar de olhos por uma única tela, num processo integrado à rotina da pessoa. Diferente, por exemplo, do e-mail eu exige uma espécie de pit-stop de dedicação ao acesso, abertura de cada mensagem e leitura. No ritmo de mundo 2.0, pelo visto, e-mail já ficou na categoria de privacidade total.

Uma outra característica deste tipo de rede em ritmo de micro-blogging é a reconstrução de laços sociais que no mundo real estariam no nível da fragilidade, distanciamento ou quase esquecimento. Com a rapidez da rede digital, além dos laços refortalecidos, ganha-se algo inexistente anteriormente: a capacidade de rápida resolução de problemas, busca de informações e conexões.

Para o comunicador, uma sopa no mel!

Para encerrar, as redes de micro-blogging vêm como um contraponto à idéia de que no ciberespaço as pessoas poderiam criar novas identidades, novas personas. Num Twitter ou num Facebook estamos falando de clareza, nada de anonimato, nada de nicknames. As fontes são verdadeiras, pois, para acompanhar o grupo é preciso ter identidade. Parafraseando Clive Thompson, autor do artigo no NYTimes:

“In an age of awareness, perhaps the person you see most clearly is yourself.”

 (Beth Saad)

Advertisements

4 thoughts on “Admirável mundo novo da mídia social

  1. Belo post, Beth!
    Também tenho pensado sobre os microblogs com alguns dos meus alunos, e é empolgante perceber como o jornalismo (e os jornalistas) podem se apropriar desses recursos. (Aliás, vc já está no Blip?) abs

  2. Rogério, Dani e Raquel
    Grata pelo comentários!
    Vivo testando novos recursos, mas s alunos são mais rápidos…..(que bom!) e todos acabam te encontrandono twitter e similares. É uma experiência interessantíssima de relacionamento.
    Bjs a todos!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s