Do online para o papel

capaEstamos mais acostumados a repercutir o processo de criação de um jornal digital a partir de um impresso. E menos habituados ao aposto: citarmos uma publicação digital que dá origem a um veículo em papel.

Mas esse segundo caso, o menos comum, foi exatamente o que aconteceu com o ComUM Online.

O ComUM Online é o jornal dos estudantes de Ciências da Comunicação (licenciatura e mestrado) da Universidade do Minho, em Portugal. (Já citei o jornal antes aqui no blog, ver:ComUM Online completa um ano de vida).

Agora no final deste Fevereiro, o ComUM Online ganhou a sua versão papel (foto acima).

O jornal impresso tem distribuição gratuita e é pago com publicidade angariada pelos próprios estudantes.

Na primeira edição, os destaques são polêmicos: um departamento da universidade é acusado por um docente de o ter forçado a silenciar um blogue humorístico e uma reportagem junto de universitárias que se prostituem para conseguir pagar as contas e levar o curso adiante.

Advertisements

One thought on “Do online para o papel

  1. Realmente é um processo inverso. O mais comum é um jornal ir pra web, não um produto da web se transformar em um períodico. Mas achei a idéia interessante, ainda mais pelo fato da distribuição ser gratuita. Faltam iniciativas do gênero no Brasil. Abraços.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s