Aspas

Aguiar e Silva, antigo vice-reitor da Universidade de Braga, durante palestra inaugural da conferência “A Língua Portuguesa: Presente e Futuro”, na Fundação Calouste Gulbenkian em Lisboa, ontem (segunda):

O futuro da língua portuguesa como língua transnacional depende do Brasil. É o Brasil que tem dimensão demográfica, económica, social, cultural e científica, ou seja, `peso geopolítico´.” / “A língua portuguesa pertence de igual modo a todos os que a falam. São todos co-proprietários.” / “A crioulização da língua, a mestiçagem, é inevitável e enriquecedora”

Mais no Público desta terça.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s