IBGE: computador é o objeto de desejo das famílias brasileiras

Divulgado terça-feira, dia 28, o relatório da PNAD 2003 (o mais abrangente retrato estatístico das condições de vida e moradia do Brasil) .

Cresce a passos rápidos a informatização e conectividade da população brasileira. Em 2003, ao menos uma em cada sete moradias contava com computador em casa. Houve uma desaceleração no ritmo de aquisição dos computdores pelas famílias. Mesmo assim, é ritmo superior ao de qualquer outro bem durável: geladeira, freezer, televisão etc… O computador continua sendo o objeto do desejo, o bem durável de maior procura. E as possíveis explicações precisam ser debatidas: alavanca de inserção no mundo digital, ferramenta de trabalho ou de facilitação ao mercado de trabalho, porta de entrada para a informação e o entretenimento no mundo virtual….

“Entre os bens duráveis, computador foi o que mais cresceu”, informa a nota do IBGE. Em 2003, do total de 49 milhões de domicílios brasileiros, 7,5 milhões tem computadores e 5,6 milhões estão conectados . Ou seja, 15,3% dos domicílios tinham computador. E acesso à internet, já passa de um décimo: 11,4%. (Ainda que neste ponto a nota seja um pouco confusa, não deixando claro o que é percentual do total e o que é evolução de ano para ano. A confusão só se desfaz verificando as tabelas.)

Outro dado importante é que “em dez anos, triplicou o percentual de domicílios com telefone.” Com destaque para as famílias de baixa renda.

Confira a íntegra da nota sobre a PNAD e as tabelas completas (particulamente o capítulo 6, sobre Domicílos, tabelas 6.1a e 6.1b) no site do IBGE.

Já estão as informações em diversos jornais, sites e outras mídias com matérias abrangentes. Entre os textos mais completos, confira os da Folha On Line ou da Agência Estado.

Sociólogos, economistas, demógrafos e outras especialidades se debruçarão exaustivamente sobre estes números. Números também indispensáveis para dar base ao debate sobre o grau de inclusão digital e de informatização no Brasil (e também do alcance do jornalismo online).

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s